Snap Realiza Mesa-Redonda de ONG em Bruxelas sobre Segurança

5 de março de 2024

Na semana passada, a Snap organizou uma mesa-redonda com 32 representantes de organizações não governamentais (ONGs) em Bruxelas para partilhar a nossa abordagem única em matéria de segurança no Snapchat e ouvir os seus comentários para uma melhoria contínua. 
Para coincidir com a nossa participação na última Reunião Ministerial do Fórum da Internet da UE (EUIF), e em conjunto com os meus colegas europeus, tive o prazer de me dirigir a este estimado grupo e quero agradecer aos participantes por se envolverem e partilharem as suas valiosas perspetivas.
Proteger os adolescentes, e de facto, todos os membros da nossa comunidade é fundamental na Snap. Durante a nossa reunião, definimos a nossa filosofia de segurança global, a nossa adesão de longa data aos processos de segurança por conceção de desenvolvimento de produtos, e os esforços contínuos para conduzir pesquisas e desenvolver características, funcionalidades, ferramentas e recursos que ajudam a proteger os Snapchatters em todo o mundo.
Mostrámos a “Menos redes sociais, mais Snapchat”, a nossa nova campanha, que define como o Snapchat foi concebido, desde o início, como uma alternativa às redes sociais tradicionais. Recapitulámos o nosso último Índice de Bem-estar Digital de seis países e a nossa investigação, e aprofundámos o Centro da Família, o nosso conjunto sempre crescente de ferramentas na aplicação para pais e tutores. Com tantas ONGs focadas em várias dimensões da exploração e abuso sexual de crianças (CSEA) online, também destacámos como – por meio de medidas proativas e reativas – a Snap luta diariamente contra estes crimes vis. De facto, através de esforços combinados, as nossas equipas de Confiança e Segurança removeram cerca de 1,6 milhões de peças de violação do conteúdo CSEA no ano passado, desativaram contas e denunciaram os infractores ao Centro Nacional dos EUA para Crianças Desaparecidas e Exploradas (NCMEC). A nossa equipa da Snap tirou ainda mais ideias e conhecimentos para simplificar e melhorar ainda mais a nossa experiência de suporte, comunicar numa linguagem mais amiga dos adolescentes na aplicação e considerar determinadas funcionalidades de inclusão para adolescentes mais velhos e jovens adultos.
O debate destacou novamente um desafio de segurança contínuo para todas as partes interessadas a nível mundial: a garantia e a verificação da idade. Para continuar o diálogo, estamos ansiosos por realizar eventos semelhantes em Bruxelas e estamos a planear um acompanhamento específico sobre estes tópicos. Também esperamos expandir o programa para outras capitais europeias e grandes capitais internacionais. 
Através do ecossistema tecnológico, todos temos muito a partilhar e a aprender uns com os outros, e estamos ansiosos por aumentar o nosso quadro de parceiros e colaboradores, tudo ao serviço da segurança no Snapchat.
- Jacqueline Beauchere, Diretora global de segurança da plataforma
Regresso às notícias